03 fevereiro 2014

Anjos e vira-latas

O blog ta paraaaado... Mas em outro post explico, porque hoje o assunto é outro.
Vocês que me acompanham sabem como adoro fazer tirinhas pra compartilhar situações bobas do meu dia-a-dia na internet. Mas a de hoje de boba e boa, não tem nada.


Vinha pro trabalho essa manhã, meio deprimida como sempre fico já que pra chegar aqui passo por uns bairros cheios de animais de rua. Quando ia entrar numa rotatória super movimentada dado o horário da manhã, vi um cachorro como esse da ilustração tentando atravessar da ilha da rotatória pra rua do outro lado.

Não se preocupem. Ele conseguiu.

E foi tão rápido que a única coisa que eu posso acreditar, é que ele realmente foi protegido por forças invisíveis. Assim como todos os outros animais de rua que, dia após dia, sobrevivem com dificuldade frente ao abandono e ao descaso. Alguns um pouco mais do que os outros.

Um dia desses quem me tem no facebook viu meu desespero pra conseguir lar e ajuda pra um cachorro já adulto que estava com a pata machucada, no pátio da fábrica onde trabalho. Foi numa quinta-feira. Na quinta e na sexta levei comida pra ele, do almoço e de onde mais conseguisse arranjar. Fiz carinho por várias vezes não importando o quanto ele estava sujinho. Sujeira a gente lava depois. Amor é que não dá pra adiar.

Quando, no fim de semana, finalmente encontrei ajuda pra ele, já era tarde. Na segunda-feira fui pra fábrica com ração na bolsa pra descobrir que de alguma forma no sábado ou domingo ele foi embora dali. Até agora não sei como, pois achei que os vigias tomariam conta como já fizeram outra vez com dois gatinhos que estavam por aqui. Mas ele tinha desaparecido mesmo.

Até agora sinto um aperto horrível no peito quando penso nesse cachorro. E muitos outros com que já topei pelas ruas na vida.

O descaso, a maldade, a total indiferença a seres que são infinitamente mais inocentes do que nós, é uma coisa que eu nunca vou conseguir entender na cabeça da maioria das pessoas. Dessas pessoas que passam direto sem dar qualquer importância, quando vêem um animal machucado na rua. Que chutam um gato passante só porque deu vontade. Que atropelam um animal e depois fogem, sem prestar qualquer socorro ou mesmo piscar duas vezes. Afinal é só bicho, né?

Não.

"Bicho" quer dizer animal. Animais todos somos. Só que de raças diferentes.
E parece que a pior raça ficou com o melhor intelecto.
Ou a raça que ficou com o melhor intelecto consequentemente apodreceu e escureceu em algum lugar no meio do caminho.

Mas não dá pra julgar pela raça, óbvio. Alguns poucos de nós ainda vemos esses animais como eles merecem ser vistos. Como semelhantes que precisam de ajuda.

E vamos continuar ajudando.

Não comprem animais. Adotem!

14 comentários:

  1. Eu quase choro com essas coisas horríveis que vemos com os animais...
    eu adoro eles, só não trago pra casa porque não dá mesmo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. te entendo. Tenho uma avó idosa e duas cadelinhas idosas que tomam conta da casa por si só :/ mas um dia quando me mudar já avisei meu namorado que vamos ter praticamente um canil de animais resgatados, hahaha

      Excluir
  2. Que lindo as suas ilustrações, já tinha te visto lá no grupo do ddq mas fiquei ainda mais encantada com seu blog. Parabéns também pela iniciativa de trazes esse tema, realmente é triste a situação desses bichinhos, você usar sua arte pra tratar do assunto foi ótimo.

    http://www.sonhosmanuscritos.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já vi você por lá também! Haha. Muito obrigada <3

      Excluir
  3. "Amor é que não dá pra adiar"
    Amei essa frase,e amei seu jeito de ser como é bom saber que tem gente como você que ama e ajuda os animais.
    beijos
    porqueestrelas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando eu to na vibe enquanto escreve sai cada coisa, hahah
      muito obrigada Maria <3 <3

      Excluir
  4. Minha vontade sempre que vejo algum bebezinho na rua é trazer para casa, mas infelizmente só pude trazer um que é meu atual filho de coração ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você pode não conseguir mudar o mundo, mas mudou o mundo desse cachorro que levou pra casa <3 você é uma pessoa muito boa e que está em falta no mundo. :)

      Excluir
  5. Oi Su! Acabei de conhecer seu cantinho, sou nova na blogosfera, mas adorei seu blog. sério mesmo, além de ser muito divertido, você ainda se preocupa com nossos anjinhos. Quanto ao post, realmente o assunto é sério, fico triste p/caramba sempre que n posso ajudar a todos eles. Outro dia fiquei muito feliz, pq vi um cachorro ser atropelado, mas em seguida dois rapazes carregaram ele e foram ajudar.
    No mais, já estou te seguindo e virei fã!
    Beijo!!!

    minhassingularidades.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jéssica, e bem-vinda a blogosfera :D
      espero que o cachorro que você viu esteja bem agora :~ graças a Deus ainda tem gente assim pra chegar e ajudar.
      Vou te seguir também e conhecer o seu blog, obrigada pelo carinho <3

      Excluir
  6. Oi Suelen tudo bom? Conheci seu blog hoje por um grupo no facebook e nossa cara <3 Já li todas as suas postagens desde agosto de 2013 hahaha Você tem um jeito único e cheio de personalidade pra escrever. Tô muito apaixonada pelo blog, pelas suas ilustrações e já coloquei nos meus favoritos <3 <3
    E sobre o post: Quase chorei :'( É tão triste ver esses animais abandonados sofrendo nas ruas.. queria levar todos pra casa. Eu tenho um sonho de quando eu tiver uma profissão, criar um abrigo pra animais abandonados, porque infelizmente aqui na minha cidade são pouquíssimos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa HAUAHUA agosto? Que paciência cê tem ;-; poxa, fico muito feliz que você esteja gostando tanto do blog! Mesmo que de vez em quando ele fique meio abandonadinho por motivos de trabalho + estudos :/
      Nossos sonhos são bem parecidos aheahehe
      Beijo grande no coração <3

      Excluir
  7. Meu coração também aperta muito. É uma angústia muito grande.. ): Quando eu era criança cheguei a fazer panfletos e altas coisas pra uma ONG de animais que foi fatalmente desencorajada pelos meus pais. Nem todo mundo enxerga a importância disso, né? ):

    ResponderExcluir
  8. Que lindo texto!É tão verdade isso,e é tão triste ver que cada vez menos pessoas se doam em ajudar um animal em troca de um carinho que é tão sincero.Tenho 5 cachorros em casa.A última foi resgatada da rua sem os dentinhos da frente (provavelmente um chute) e muito machucada.Ela ainda está em fase de recuperação e é um anjinho!Faz dois dias que colocamos para dentro uma cadela adulta que é uma amor.Ela está se adptando ainda.A ideia é castrá-la,vaciná-la e vermifugar para tentar uma adoção.Eu não consigo ver uma animal na rua com fome,coloco comida para eles,é uma pena não poder levar para casa ou saber se tiveram um final feliz,oro muito para mais pessoas entenderem que animal merece respeito,pois até mesmo quem não gosta pelo menos deveria respeitar.Parabéns pelo carinho com os bichinhos!

    ResponderExcluir

Respondo todos os comentários!
Mas por favor sem baixaria que disso já basta a autora.
Comentários com discurso de ódio serão ignorados. :*
Obrigada!

Página Anterior Próxima Página Início
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...